Carregando...

Adonai Aires De Arruda

Postado em

Adonai Aires de Arruda atua na área empresarial e na classista. É presidente do Sindicato de Asseio e Conservação do Paraná e, desde maio de 1999, é Presidente da Federação Brasileira de Empresas de Asseio e Conservação, com sede em Brasília. Sua preocupação com o segmento não é infundada: o setor em que atua é responsável pela segunda maior geração de empregos do país para as pessoas de baixa escolaridade, e o maior empregador de mão-de-obra feminina (700 mil mulheres no Brasil).

Esse grande empreendedor e líder sindical também exerce a direção da Higi Serve da Serra Verde Express, gerando empregos e destacando-se na sociedade em que vivemos por seu excelente desempenho pessoal e profissional.

 

Na área empresarial, trabalha com empresas de asseio e conservação, do grupo Higi Serv, que lida com a terceirização de mão-de-obra nos segmentos de limpeza, conservação, jardinagem, portaria, recepcionistas e mão-de-obra temporária. O Higi Serv é o único grupo do Sul do país que possui uma liberação do DAC para atuação em aeroportos, com serviços auxiliares de segurança, carga e descarga de aeronaves, atendendo à lnfraero nas cidades de Foz do Iguaçu, Florianópolis, Curitiba, Joinville e Navegantes.

Desde 1997, o grupo também tem trabalhado com nova segmentação: os trens de turismo da litorina, uma situação bem interessante, num processo de privatização de 10 anos renováveis. Hoje, é o único trem que não é metropolitano e que tem um percurso intermunicipal regular no país, com funcionamento diário. Adonai explica: são duas concessões distintas. A carga é um concessionário e o turismo, outro concessionário. A carga originariamente pertencia à Ferrovia Sul Atlântico, que agora adquiriu ferrovias no Uruguai e na Argentina e passou a se chamar América Latina Logística.

O turismo pertence ao Consórcio Pontal do Paraná, composto por três empresas, que formam o Serra Verde Express: a Higi Serv, a Obra Prima e a Best Way, que é a agência de turismo do consórcio, a única em Curitiba a funcionar das sete da manhã à meia-noite na rodoviária e do meio-dia à meia-noite no Estação Plaza Show. Em ambas, podem ser adquiridos não só as passagens de trem e pacotes, mas também passagens aéreas e viagens internacionais.

 

ADONAI

 

Nasci em Quatiguá, Paraná. Sou filho ele Almir Aires de Arruda e Nair Kalckman de Arruda. Minha esposa, Ione Mari da Veiga Arruda, com quem estou casado há 27 anos, é quem cuida da parte financeira das empresas. Temos dois filhos: Evelyn Fabricia, advogada, e Adonai Aires de Arruda Filho, atualmente cursando o terceiro ano de Publicidade.

Possuo uma equipe eficiente1 mas não abro mão da política administrativa centralizada nas empresas. Minha jornada de trabalho é ele 14 a 15 horas por dia, adotando por praxe só parar no fim do ano, quando tiro uma semana de férias.

O fato de atuar no segmento ele asseio e conservação é muito gratificante para mim, pois me sinto no cumprimento do meu papel na sociedade, gerando 2.300 empregos diretos, proporcionando às famílias uma fonte de receita. Também existem outros fatores gratificantes no meu trabalho, como o reconhecimento em âmbito nacional. A maior expressão desse reconhecimento deu-se quando me foi delegada a presidência da Federação Brasileira. Pela primeira vez, foi ocupada por um empresário paranaense e não por um elo eixo Rio – São Paulo.

O trabalho com a Serra Verde Express também é ele extrema importância para mim, pois os serviços oferecidos atingem altos níveis ele satisfação e são reconhecidos pela população por seu valor histórico. Essa ferrovia tem particularidades1 como ter sido lançada há quase 120 anos, ter sido projetada pelos dois primeiros homens da raça negra, universitários do país, a viagem de D. Pedro. Enfim sinto-me gratificado profissionalmente todos os dias, nas diversas atividades e trabalhos que exerço. Cada passo, cada vitória é uma gratificação.

Nos fins ele semana, eu fico na estação Serra Verde recepcionando os passageiros.

Com essa prática, nós podemos avaliar as falhas e desenvolver novas ideias. Existem clientes internacionais, por exemplo, que precisam de informações adicionais. Nós trabalhamos visando à total satisfação do cliente.

Uma vez por mês, sete amigos e eu fazemos trilha de jipe. Também gosto, nas horas de lazer, de escutar música. Mas, como minhas atividades de trabalho são muito ligadas à viagem, nessas ocasiões, também reservo alguns momentos para a descontração.

Sou uma pessoa estritamente positiva, um devotado ao trabalho. Acho que as coisas podem e elevem acontecer, desde que você brigue por elas. É claro que hoje todos nós estamos apreensivos com a falta de segurança e com os problemas do mundo moderno. Minhas origens são regidas por princípios nos quais o senso de família e o respeito são valores muito importantes. Não estou falando de temor, e sim de respeito à cultura, ao meio ambiente e principalmente às pessoas, propósitos e modos de vida. O respeito é fundamental, é uma questão de direito. Quando temos a consciência do direito, respeitamos o próximo.

Enviar por e-mail