Carregando...

Terezinha kutchma

Postado em

QUANDO APARECE UM PROBLEMA, JÁ TENHO A SOLUÇÃO

Terezinha é uma guerreira. Inovadora e com muita convicção. Depois de ter uma boutique em Paranaguá, decidiu morar no Rio de Janeiro. Não se adaptou e veio a Curitiba, abriu a sua boutique e sentindo as tendências do momento, foi a primeira a falar em “Locação”. Apesar das críticas continuou com o seu objetivo e lutando contra os preconceitos conseguiu implantar este sistema, hoje preferido pelas clientes de todas as classes sociais. Aumentou a sua loja, reformou, derrubou e em seu lugar hoje, abriga 7 andares da Maison Veridiane: criação, locação, confecção e boutique de roupas importadas, espaço que conquistou com garra e perseverança.

 

TEREZINHA – cada dia é um dia, cada cliente é um cliente, cada cliente é um caso é um tipo físico distinto, um poder aquisitivo diferente. É uma, renovação diária, como se todos os dias eu estivesse fazendo algo novo.

O MEU INÍCIO FOI EM PARANAGUÁ, em 1972 quando abri uma boutique e depois de anos implantei um atelier de costura, fazendo um modelo para cada cliente. As roupas prontas eu pegava de São Paulo e Rio de Janeiro. Naquele tempo nem havia estilistas, então a Veridiane lá, era o must. Tive essa boutique por 8 anos, mudei para o Rio de Janeiro, não gostei e em 81 cheguei a Curitiba. Aqui dei início a Veridiane à Rigor, hoje Maison Veridiane e desde aí não fiz outra coisa, senão trabalhar com moda de manhã, à tarde, e à noite. É uma atividade na qual estou há 27 anos e a qual muito aprecio.

LUTEI por 5 anos, comprei a casa, depois de 3 anos derrubei e fiz um prédio. Ousei e fiz 7 andares.

SEGUINDO O MEU SEXTO SENTIDO que me impulsionava a crescer, iniciei a obra e até hoje quando olho, não sei como consegui. Vendi tudo o que tinha. Os filhos colaboraram e investi aqui. Em dois anos ficou pronto e eu mesma administrei do piso ao teto. Foi uma luta e uma alegria.

INOVO MUITO. A minha publicidade é boca a boca. Tenho clientes que compram aqui desde 1972. Para algumas delas fiz o vestido de um ano da filha, o de 15 anos e o de casamento.

AS MUDANÇAS FORAM ACONTECENDO. Antigamente eu trazia roupas de fora e as clientes se encantavam, compravam e esperavam a ocasião certa para usá-las, mas este pensamento foi mudando. A moda passava muito rápido e ninguém mais comprava para esperar a ocasião de vestir aquele traje. O perfil já era outro e fui sentindo a tendência para a locação. Hoje a tendência está voltada para a compra, este é o motivo da Boutique.

COMPREI TECIDOS BELÍSSIMOS e a pessoa vinha aqui e eu fazia o desenho e oferecia as duas opções. A primeira, da pessoa comprar a roupa; e a segunda, de fazer a primeira locação. A admiração era uma constante porque até então, aqui em Curitiba este sistema não era usado. Algumas até compravam, porque achavam que o traje não sairia perfeito, se fosse feito para locação.

A IDEIA PEGOU e agora atendemos a primeira locação com sucesso, e até a segunda locação para aquelas que não tem tempo para escolher.

IMPLANTEI NOVAMENTE A BOUTIQUE para as clientes que querem uma roupa mais trivial, ou para uma cerimônia que não seja tão suntuosa. Ofereço opções. Trabalho com grifes vindas de Paris, Londres, Nova York e Milão.

EU FUI A PRIMEIRA A TER A CORAGEM de colocar numa Revista Noiva, que naquele tempo era da Editora Abril, a palavra “locação”. Os que me criticaram, hoje fazem o mesmo em grande escala.

QUANTO MAIS SOFISTICADA A ROUPA, mais as clientes veem vantagens nesse sistema. Uma roupa chamativa e sofisticada não poderia ser usada inúmeras vezes.

AS NOIVAS SÃO O FORTE DE MEU NEGÓCIO há 25 anos. Para elas ofereço a confecção ou locação do traje, promoções e prêmios. O dia da noiva, um andar somente para elas com estúdio fotográfico, sauna, massagem, cabeleireiro, fotógrafo. Aqui ela terá toda a tranquilidade para relaxar, escolher o seu arranjo ou qualquer outro detalhe que ache necessário.

NÓS TEMOS EQUIPE de cabeleireiros, maquiadores e além disso o Torriton Cabelereiros, especialmente para atender as mães das noivas, madrinhas, convidadas e damas.

MINHA CRIAÇÃO É SOB PRESSÃO. Se planejo tudo certinho e algo dá errado, fico frustrada porque idealizei e esperei o possível e não deu certo o que gera frustração. Eu tenho que esperar o impossível. A minha cabeça funciona assim

ESTAMOS LANÇANDO A Revista Veridiane Noivas que tem como enfoque principal a divulgação dos principais pontos turísticos da cidade de Curitiba com a participação de modelos fotográficos. Abordará ainda Sociedade, Moda, Saúde, Beleza e serviços que envolvem casamentos.

 

MAISON VERIDIANE

Av. Marechal Deodoro 1490

Tel (041)2628083

Curitiba- Paraná

Enviar por e-mail